Funcionamento: Segunda a Sexta - das 07:00h às 13:00h

Cidade do Seridó ,habitado primitivamente pelos índios CARIRIS, o município de Acari foi fundado na condição de povoado pelo Sargento-Mor Manuel Esteves de Andrade, vindo da Serra do Saco.Manuel Esteves ergueu em 1737 a capela do novo povoado, consagrada à Nossa Senhora da Guia ,padroeira da Cidade. A capela logo se tornou matriz em 13 de março de 1835, permaneceu até 1863, quando foi inaugurada a nova e definitiva matriz em outro local .

Acari é um nome de um peixe de escamas ásperas e carne branca saborosa,acostumado com as águas tranquilas do histórico Rio Acauã. Da boca do povo, nasceu o nome do povoado a partir da pesca fácil e permanente acaris. Assim surgiu a terra do Acari, com a fé em Nossa Senhora da Guia e com a marca do peixe forte das águas do Rio Acauã. A terra do Acari acompanhou o extermínio dos índios que a habitavam as margens dos rios Assú e Seridó. Em 11 de Abril de 1835, foi criado o município de Acari por uma Resolução do Conselho de Governo. Sua área tem mais de 591 km2 foi desmembrada do município de Caicó e pela lei número 119 de 1898 , a vila tornou-se mais nova cidade do Estado.

Limitando-se com os municipios de : São Vicente,Currais Novos,Carnaúba dos Dantas, Jardim do Seridó,São José do Seridó e Frei Martinho na Paraíba. Está distante 209 Km de Natal ligado por via asfaltada.

 
     
     

O açude Gargalheiras é um marco na história e na vida de Acari,com seus 11.218 habitantes a cidade do Seridó Oriental sendo conhecida no Brasil como uma das cidades mais limpas do País. Como cartão-postal o Açude Gargalheiras tem uma reserva hídrica de 40 milhões de m3 está situado a 4 km do centro, oferece um espetáculo de grande beleza,principalmente no periodo chuvoso. A cidade vive basicamente das atividades agropecuárias além de serviços.

A História pode ser vista nas grutas da Fazenda Ingá, onde estão os estranhos pássaros conhecidos como Andorrinhas, no prédio da antiga cadeia pública, construido em estilo barroco; e na Capela do Rosário, feita no estilo colonial. A Cultura é estimulada nas festas folclóricas, noforte artesanato com confecções de objetos de cerâmica, rendas de bilros e brinquedos de madeira.Nas  bibliotecas  da cidade Lia Campos e Maria José Bezerra oferece mais de 9 mil títulos a toda população acariense.

O Ponto mais elevado do município é a Serra da Arara com 654 metros; Todos os anos o povo acariense reúne-se para comemorar a festa de sua padroeira entre os dias 6 e 11 de Agosto.

A cidade já ostentou o título da mais limpa do Brasil.